quarta-feira, 27 de outubro de 2010

míngua


















oro abundância
e só tenho sal
do teu suor
no meu umbigo

2 comentários:

Eduardo Ferreira disse...

ah, os fluídos... que mundo feliz em temporadas chuvosas.

Larissa Marques disse...

obrigada por comentar!
beijo!